Chorando de rir

Senhoras e senhores, cá estamos nós novamente! Haha!  \0/

Existem aquelas pessoas que são apaixonadas por filmes de romance e outras que amam as comédias. Embora seja bom chorar de tanto rir, não se pode dizer o mesmo dos filmes apaixonados …. Já que não é legal ter uma crise de choro em pleno filme, em um cinema lotado e sair da sala com a maquiagem toda borrada, interpretando um zumbi por acidente …

Se vocês assim como eu, preferem evitar pagar mico e não são “fãs de carteirinha” de romances, embora admirem as histórias, o Caneta Nerd te da algumas sugestões de comédias românticas. Dessa maneira é possível se apaixonar e dar boas gargalhadas. Tudo na medida certa 😉

COMO PERDER UM HOMEM EM DEZ DIAS

como perder um homem em 10 dias

A comédia romântica norte-americana de 2003, conta a história de Ben Berry (Matthew McConaughey), um publicitário que aposta com duas colegas de trabalho que pode fazer com que uma mulher se apaixone por ele em dez dias. Seu alvo é a jornalista Andie Anderson (Katie Hudson), e que por coincidência, está escrevendo um artigo para o jornal onde trabalha, de como perder um homem em dez dias. Entre encontros desastrosos e cenas hilárias eles acabam se apaixonando. Apesar do roteiro previsível, o longa emociona e faz rir com a química do casal.

DEZ COISAS QUE EU ODEIO EM VOCÊ

DEZ COISAS QUE EU ODEIO EM VOCÊ

Baseado na obra “A Megera Domada”, de William Shakespeare, a comédia romântica norte-americana de 1999, narra a história de Kat (Julia Stiles). Ela é uma verdadeira peste, que não tem amigos e não faz a mínima questão de se relacionar com o sexo oposto. Sua irmã mais nova, Bianca (Larisa Oleynik), vai para o colégio e se apaixona por Cameron (Joseph Gordon-Levitt) no primeiro dia de aula. Só que segundo seu pai, ela não pode namorar se a irmã mais velha não namorar primeiro. Então a adolescente tem a ideia de contratar o bad boy Patrick (Heath Ledger), para que ele conquiste a “Megera”. Com uma trilha sonora muito divertida e cenas que nunca saem de moda, o filme é perfeito para família, já que não é apelativo.

O CASAMENTO DO MEU MELHOR AMIGO

O CASAMENTO DO MEU MELHOR AMIGO

Julia Roberts interpreta Julianne Potter, a melhor amiga de Michael O’Neal, interpretado por Dermot Mulroney, que sempre a amou. Quando jovens eles combinaram de se casar se ambos estivessem solteiros aos 28 anos. As vésperas da data a moça recebe uma ligação do amigo, convidando-a para ser madrinha de seu casamento com Kimberly (Cameron Diaz). É aí que ela descobre que sempre foi apaixonada pelo amigo e aceita o convite, para impedir que a cerimônia aconteça. Diferente das demais comédias românticas “O Casamento do meu melhor amigo” tem desfecho impressionante e encanta a todos com uma trilha sonora marcante.

DE REPENTE TRINTA

DE REPENTE 30

Lançado em 2004, Jennifer Garner interpreta Jenna Rink, uma adolescente de 13 anos frustrada, desesperada para ser aceita no grupo popular do colégio. Decepcionada pelo desastre  de sua décima terceira festa de aniversário, Jenna briga com o melhor amigo Matt Flamhaff (Mark Ruffalo) que sempre foi apaixonado por ela. Após a discussão a adolescente se tranca no armário, adormece aos prantos e acorda com 30 anos, chefe de redação de uma revista famosa. Rica, mesquinha, arrogante e desorientada, ela procura pelo antigo amigo, que agora esta noivo de outra pessoa, na esperança de que ele possa esclarecer toda a confusão que esta acontecendo em sua vida. Clássico e apaixonante o longa promove uma reflexão sobre identidade e emociona o público de todas as idades.

A PROPOSTA

kinopoisk.ru

O longa de 2009 conta a história de Margaret Tate (Sandra Bullock), editora chefe de uma multinacional que corre o risco de ser deportada para o seu país por ter violado termos de seu visto de trabalho. Ciente dos riscos que corre, propõe ao assistente Andrew Paxton (Ryan Reynolds), a quem ela inferniza, que ambos se casem, para que assim sua situação seja regularizada. Apesar de odiar a chefe, Andrew concorda com a ideia e o “casal” vai passar alguns dias no Sitka, no Alasca, para que Margaret conheça a família do futuro noivo. Diante de várias confusões, eles se apaixonam no final. O longa prova que os opostos podem sim se atrair!

AMOR E OUTRAS DROGAS

AMOR E OUTRAS DROGAS

O longa de 2010 retrata o romance de Jamie Randall (Jake Gyllenhaal), um mulherengo e boa vida que foi demitido do emprego de vendedor após seduzir duas das antigas colegas de trabalho. Ele se vê obrigado a mudar de setor devido a crise e começa a trabalhar no setor farmacêutico, onde conhece a hipocondríaca Maggie Murdock (Anne Hathaway), uma jovem de 26 anos que sofre de mal de Parkinson. O filme mostra a realidade de quem sofre com a doença, fala de superação e mostra a importância do apoio das pessoas que ama para o tratamento.

COMO SE FOSSE A PRIMEIRA VEZ

COMO SE FOSE A PRIMEIRA VEZ

É sempre bom ver Adam Sandler e Drew Barrymore em cena, principalmente quando os dois contracenam juntos. A química que o casal tem é sempre um “Q” a mais para assistir aos filmes. “Como se fosse a primeira vez” foi lançado em 2009 e conta a história de Lucy Whitmore , que sofreu um acidente e perdeu a capacidade de armazenar informações por mais de 24 horas. Todos os dias ela fazia a mesma coisa, até conhecer Henry Roth , um veterinário mulherengo que se apaixona por ela. Determinado a fazer parte da vida da moça, Adam Sandler decide armar ocasiões para que ele se encontre com sua paixão todos os dias, contrariando as opiniões da família e amigos da jovem, e até mesmo mostrando que a medicina pode ter sim algo a mais.

AMIZADE COLORIDA

AMIZADE COLORIDA

Lançado em 2011, o enredo gira em torno de Dylan (Justin Timberlake) e Jamie (Mila Kunis). Jamie é uma recrutadora de Nova York. Ela convence Dylan, um cliente em potencial de Los Angeles, a se mudar para sua cidade e trabalhar numa determinada empresa. Eles se tornam amigos e por serem extremamente ocupados e não terem tempo para relacionamentos, decidem ocasionalmente, fazer sexo sem compromisso, pois assim, não haveria cobranças de nenhum lado e eles não se envolveriam emocionalmente. Porém as coisas mudaram e eles percebem que além de afinidade tem muito mais coisas em comum. O filme, apesar de atual não é tão previsível e trabalha a questão do apoio familiar e Alzheimer.

O AMOR É CEGO

O AMOR É CEGO

O longa de 2001 conta a história de Hal (Jack Black), que apenas se interessa por mulheres com um físico perfeito, a conselho do pai, que lhe aconselhou no leito de morte. Depois de conhecer Anthony Robbins, um hipnotizador, ele começa a enxergar o interior das pessoas e se apaixona por  Rosemary (Gwyneth Paltrow), uma jovem obesa  que é vista por ele como uma deusa. Há uma reviravolta no filme quando o melhor amigo de Hal, Mauricio (Jason Alexander) tira seu hipnotismo. É a partir daí que o enredo ensina que a beleza depende dos olhos de quem vê, e que estereótipos não são sinônimos de felicidade.

QUAL SEU NÚMERO

QUAL O SEU NÚMERO

Baseado no livro “20 Times a Lady”, de Karyn Bosnak, a comédia romântica de 2011 conta a história de Ally Darling (Anna Faris), uma mulher de trinta e poucos anos que esta tentando tomar um rumo na vida e desesperada para encontrar o homem com o qual quer passar o resto da vida. Depois de dormir com 20 homens, ela vai atrás de todos os ex-namorados na esperança de que o amor renasça por um deles, e assim, ela não tenha que dormir com mais ninguém. No percurso ela se envolve com Colin Shea (Chris Evans), seu vizinho gato e mulherengo, que não liga para quantos homens ela dormiu e a prova que a quantidade de relacionamentos vividos por ela, não define seu caráter.

E SE FOSSE VERDADE

E SE FOSSE VERDADE

Lançado em 2005 a comédia romântica conta a história de David (Mark Ruffalo), um paisagista viúvo que aluga um apartamento em São Francisco, nos EUA. Inesperadamente ele recebe a visita de Elizabeth (Reese Witherspoon), e por acidente descobre que ela é apenas um “fantasma”. Acreditando estar louco ele passa pelas mais diversas situações para exorcizar o apartamento, até que descobre que o “fantasma” está mais vivo do que nunca e era a antiga moradora. Depois de idas e vindas, o inquilino descobre que ele era o único que podia ver Elizabeth porque os dois tinham assuntos inacabados e prova que o amor vai muito além do plano físico.

VESTIDA PARA CASAR

VESTIDA PARA CASAR

Sempre madrinha ou dama de honra, mas nunca noiva. Essa é a história de Jane Nichols (Katherine Heigl). No filme lançado em 2005, Jane vai a várias festas de  casamento e em todos com um vestido diferente, totalizando 27 trajes. Em um dos matrimônios ela conhece o escritor Kevin Doyle (James Marsden), que escreve para o jornal de Nova York. Jane é louca pelo patrão, que se apaixona pela sua irmã mais nova. Durante várias confusões ela se vê apaixonada pelo escritor, com quem tem uma relação complicada e que rende boas gargalhadas e suspiros ao público.

O MELHOR AMIGO DA NOIVA

O MELHOR AMIGO DA NOIVA

Lançado em 2008, o filme conta a história do mulherengo Tom (Patrick Dempsey), e a doce e certinha Hanna (Michelle Monaghan). Eles são melhores amigos desde que faziam faculdade. Durante uma viagem de trabalho de Hanna, Tom descobre que se apaixonou pela melhor amiga e quando estava prestes a se declarar foi convidado por ela para ser sua madrinha de casamento. Ele aceita e faz de tudo para atrapalhar a cerimônia, no intuito de mostrar que sempre foi o homem ideal para ela.

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Sobre Filmes e marcado , . Guardar link permanente.

6 respostas para Chorando de rir

  1. Juju Marques disse:

    Nossa que maratona nostálgica, o único que não vi desses foi ”amor e outras drogas”. ❤ Fiquei com vontade.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Janaina disse:

    Olá, muito legal… assisti todos! Adorei o blog, é muito lindo e já estou seguindo!

    Beijos, Jana!

    Blog Viajei nas EntreLinhas
    Face Viajei nas EntreLinhas
    @ViajNasE_Linhas

    Curtido por 1 pessoa

  3. Nayara Rhaiane Rodriques disse:

    Me deu até uma nostalgia lendo sobre esses filmes, são realmente bons, gosto de todos!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s